Maldição! Disney fecha a LucasArts e todos choram!


7 Flares Facebook 1 Twitter 4 Google+ 2 Pin It Share 0 Email -- 7 Flares ×

igor_queiroz_lucasarts_rip_01.2013.04.04

Há momentos na vida de um gamer que a sensação de luto é quase palpável, e o anúncio de que a Disney fechou a LucasArts e, consequentemente, deixou uma ninharia de funcionários a ver navios, nos faz passar por essa sensação. Como já foi dito em demasia por muitos sites especializados pela interwebs, a verdade é que a LucasArts não vinha desenvolvendo nada decente há anos, o que no final das contas justifica a ação estratégica da empresa do Mickey Mouse.

Era uma vez uma empresa chamada LucasArts

Pelo nome, é inevitável lembrar dessa empresa pelos jogos baseados na franquia de maior sucesso do tio George Lucas, a saber, Star Wars, mas o que precisa ser dito, é que na memória da empresa, os seus grandes jogos nada tinham a ver com sabres de luz e daddy issues, mas sim com caveiras, motoqueiros badasses e ilhas caribenhas. Pois é, nobre nerd, em sua lista de jogos bem sucedidos, é muito mais fácil lembrar de Grim Fandango ou Full Throttle ou a série Monkey Island, do que dos jogos de Star Wars. Que ironia, não?

E por falar em Star Wars, ao contrário do que muitos estão praguejando por aí, ainda não existe nada definitivo sobre o cancelamento do prometido Star Wars 1313, apesar de que há uma grande chance de que de fato o jogo nunca saia daqueles belos vídeos que vimos na última E3 de 2012. Esse que vos escreve ainda tinha esperanças de ver o mitológico Grim Fandango ganhar uma versão remasterizada ultra fodônica e overpower, ao invés disso acaba tendo que dizer: R.I.P LucasArts.

igor_queiroz_lucasarts_rip_02.2013.04.04

[via Joystiq e GameInformer]