Mangás da Semana – Bleach 643


1 Flares Facebook 0 Twitter 1 Google+ 0 Pin It Share 0 Email -- 1 Flares ×

bleach 643 - 001

Dando continuidade à nossa volta com a sessão Mangás da Semana, vamos conversar um pouco sobre o Bleach 643? Lembrando que em todos os posts da nossa sessão Mangás da Semana sempre HAVERÃO SPOILERS!

Bleach 643 – Baby, Hold your Hand 6

Quando falamos sobre o Bleach 601, lá em Outubro do ano passado, Bleach se encontrava bem próximo do momento final da invasão dos sternritter ao Palácio Real. Bem, a tal invasão já ocorreu, o Yhwach já matou o rei e ficou com mais olhos do que o um Beholder, a Soul Society já foi para as cucuias e agora, o que “restou” dela, a turminha do Ichigo e companhia estão tentando salvar e, quem sabe, reverter.

Pulando para os acontecimentos recentes, o mangá Bleach 643 trata-se da continuação da luta entre o Capitão Mayuri contra o Quincy estranhão chamado Pernida, que se antes era uma espécie de Kenny do South Park sem rosto aparente, agora tornou-se um bizarro braço, o qual eu confesso não dar muita importância para as explicações faraônicas de mal arquitetadas do Kubo Tite.

bleach 643 - 002

De toda forma, falando sobre o Bleach 643 em questão, começamos o capítulo com o momento final do ataque da Nemu ao bracinho cheio de olhos camarada. No capítulo anterior ficou explícito que esse ataque era naquele estilo “último recurso”, onde o usuário potencializa até o infinito e além o seu poder, em troca de poucos segundos de força infinituplicada, para logo depois ou perecer, ou ficar demasiadamente impossibilitado de fazer qualquer outra coisa. No caso da Nemu, se eu entendi bem, era a segunda opção, e é por isso que o fato do Pernida ter sobrevivido a esse ataque e tê-la consumido logo em seguida não me causou qualquer espanto.

Daí pra frente é uma “conversa” mental interminável entre Mayuri e o seu antigo inimigo, o arrancar Szayelaporro. Depois de muita masturbação mental (tá me fazendo mal, tá me fazendo mal) entre os dois cientistas, o Mayuri acaba dando a trilhonésima reviravolta dessa batalha, deixando o Pernida consumir os restos mortais(?!?) da Nemu enquanto explica que ao criá-la, ele fez com que suas células tivessem a capacidade de se regenerar em alta velocidade, e tudo isso controlado pelo cérebro dela (que ele acabara de salvar das mãos(sic) do Pernida). Segundo a lógica do Mayuri, como o Pernida não teria controle da regeneração acelerada, ele iria se regenerar tanto que isso causaria uma auto destruição. Eis que é com a imagem abaixo que o capítulo termina. ¯\_(ツ)_/¯

bleach 643 - 003