“X” é o novo JRPG da Monolith Soft


12 Flares Facebook 0 Twitter 11 Google+ 1 Pin It Share 0 Email -- 12 Flares ×

igor_queiroz_monolith_soft_x.2014.02.15Apesar do Wii-U não ser a plataforma mais badalada do momento, esse pequeno detalhe não foi capaz de impedir que a Monolith Soft o escolhesse para ser o portador do direito de receber o seu mais novo JRPG que atende (até o momento) pelo título minimalista de “X“. Bem, se você souber que empresa é a Monolith Soft, já deve imaginar a motivação para ter um nome prévio de “X”, correto? Pois é, como você sabiamente decifrou nas entrelinhas, a Monolith Soft é a criadora do título Xenoblade Chronicles, que fez lá o seu sucesso no antigo console da Nintendo, o Wii. Xenoblade Chronicles recebeu excelentes críticas dos sites especializados, e mesmo seguindo uma tomada bem diferente do que se pôde ver na trilogia de Xenosaga, aparentemente agradou um grande número de fãs da esquecida franquia que um dia já foi da Square Enix (se considerarmos que Xenosaga é um sucessor -prequência- do clássico e denso Xenogears, é claro).

Sobre a Monolith Soft e seu novo JRPG “X”

Assim como o seu sucesso passado, o JRPG conhecido por enquanto como “X”, na falta de um título oficial, conta com aquela mesma jogabilidade MMO like, que tantos gostam (e que esse que vos escreve odeia, e todo dia faz bonecos de vudu para o Japinha que decidiu que o Active Time Battle entrou em desuso). Não cheguei a jogar nem meio minuto de Xenoblade Chronicles, portanto não posso tecer comentários pessoais sobre o título, mas levando em consideração o sucesso que ele obteve, devo imaginar que com o expertise adquirido na criação dele, a Monolith Soft trará para esse título uma experiência ainda melhor do que o próprio Xenoblade Chronicles. Nos vídeos abaixo, já podemos ver bastante de sua jogabilidade frenética, e até mesmo a utilização de Mechas durante as batalhas de forma bem fluída e ininterrupta. Além disso, inimigos de tamanhos colossais estão presentes, que podem ser enfrentados tanto pelos personagens, quanto pelos personagens pilotando seus mechas, que lá na época do Xenogears chamávamos de Gears. O objetivo, segundo o atual presidente da Nintendo, Satoru Iwata, é criar um mundo aberto em grande escala para que os jogadores o explorem.

Ainda não se sabe quando será lançado, nem mesmo quando será divulgado o nome oficial do jogo, mas podemos ver que ele já está em um processo bem avançado de desenvolvimento, e logo logo provavelmente saberemos mais sobre esse vindouro jogo. Esse que vos escreve não consegue engolir essa suposta “evolução dos JRPGs” com essas mecânicas de MMO.

[Trailer de “X”]

[Vídeo de Gameplay]

[via GamesBeat e Game Informer]